.

.

.

.

terça-feira, 25 de agosto de 2015

DENUNCIA: Alunos da cidade de Pé de Serra arriscam a vida indo para escola e denunciam ônibus sucateado e superlotação




Após a divulgação de fotos de um escolar amarelinho da cidade de Pé de Serra lotado e com alunos em pé, nossa reportagem foi chamada até a cidade para os alunos denunciarem um fato que impõe risco de vida ao mesmo. Um ônibus que presta serviço a Prefeitura que está em estado deplorável, e os alunos já o chamam de “sucatão”.

Ao chegar na cidade, logo nossa presença chamou atenção, e pessoas ligadas ao Prefeito, o senhor Hidelfonso, começaram a passar de carro a todo momento, logo a informação que a nossa reportagem estava na cidade correu, e claro, providencias foram tomadas. Enquanto estivemos na frente do colégio, os veículos foram desviados e impedidos de seguir para onde estávamos, ficando em outro colégio mais para dentro da cidade. 


Alunos foram obrigados a descer um ponto antes de onde nossa reportagem estava, e terminar o percurso a pé, em um sol de mais de 30 graus. Isso com a intenção de evitar que nossa câmera flagrasse os ônibus chegando lotados.

Mas os alunos botaram a boca no trombone, e falaram de como é o dia – a – dia de andarem em veículos velhos e ainda por cima lotados. Uma mãe, avisada por seu filho que estávamos na cidade, foi ao nosso encontro, mas não quis gravar entrevista, apenas falou: “Como pode, até que dia nosso filhos vão correr risco de vida, para poder ter uma educação melhor?” Falou.


Nossa reportagem foi informada de que o Prefeito não estava na cidade, e também não nos foi informado o nome do responsável pelo transporte escolar , e uma denuncia grave, um dos ônibus que presta serviço levando os alunos pertence a um vereador do município. Segundo ainda nos informaram, o motorista do amarelinho que foi mostrado aqui no HORA DA VERDADE super lotado, foi afastado da linha, e estaria sofrendo ameaças de represarias por parte a gestão por conta da denuncia.

VEJA O VÍDEO:

 

REPORTAGEM E IMAGENS - ALANA ADRIELLE.

 
Postar um comentário